Curto Circuito

Ontem fui convidada para ir ao Curto Circuito, na SIC Radical. Cozinhar e conversar ao mesmo tempo não é tão fácil como parece quando estamos do outro lado, mas o ambiente é muito descontraído e, graças à simpatia da Maria Botelho Moniz, a entrevista acabou por correr muito bem. Obrigada a toda a equipa do Curto Circuito.

Para quem não viu, deixo aqui também o link para a minha ida ao 5 para a meia noite de dia 13 de Novembro, na RTP1, onde fui entrevistada pelo Nuno Markl, estive a 1 grau de separação do Damon Albarn, via Pedro Coquenão, e a zero graus de separação (a.k.a. agarrada ao braço de) Camané. Estava entre amigos mas, acima de tudo, não fui eu a cozinhar, o que tornou tudo muito mais fácil. Não para o Markl, claro!

Café Patita na Barata

Foi uma manhã de Sábado diferente na Livraria Barata. Entre os livros e uma exposição dos Urban Sketchers, rodopiaram crepes no ar, que se rechearam com um creme de limão feito em minutos, e se acompanharam com smoothies fresquinhos. Também houve Bolo de Marmelada, Queijadinhas da Avó Isabel e Queridos para provar. Foi a primeira vez que a cozinha do Café Patita saiu à rua, e correu muito bem, sem acidentes graves. Ou seja, não houve crepes colados ao tecto e nada se queimou mas, ainda assim, entornei um smoothie na mesa. O meu próximo livro devia chamar-se “A cozinha de uma desastrada”.

Agradeço à Livraria Barata, uma das minhas livrarias preferidas, aqui tão pertinho de casa, por terem recebido com tanto entusiasmo a nossa cozinha ambulante. Agradeço também à Divina Comédia, e em particular à minha querida editora Paula Caetano, por vestir o avental e estar sempre a meu lado, e ao Miguel Furtado, por organizar tudo e ser o fotógrafo de serviço. E, claro, obrigado a todos os que estiveram presentes!

Na sexta-feira, o Café Patita volta a montar o estaminé. É na Fnac Vasco da Gama, em Lisboa, às 21h30, e desta vez conto com a ajuda da minha amiga Susana Romana para apresentar o livro. Vamos ver quem consegue fazer os crepes rodopiar mais alto. Venham assistir e provar!

Esta é capaz de ser a última sessão de autógrafos/showcooking em Lisboa até ao Natal. As outras datas estão neste post.

Café Patita na Barata

Café Patita na Barata

Café Patita na Barata

Café Patita na Barata

Café Patita na Barata

Café Patita na Barata

Fotos: Miguel Furtado

Lançamento do Café Patita

O lançamento do livro do Café Patita no El Corte Inglés em Lisboa foi um evento que nunca esquecerei. Volto a agradecer a todos os que estiveram presentes nessa noite, e que me fizeram sentir tão acarinhada.

Daqui até ao Natal, vou ter mais algumas oportunidades de apresentar o Café Patita ao mundo. Aqui e ali, vou voltar a encher de farinha algumas livrarias (actividade com o pomposo nome de showcooking), conversar sobre comida, gatafunhar alguns livros e, a minha parte preferida, partilhar gulodices saídas directamente das páginas do livro.

Sábado, 30 de Novembro, 11h30: Livraria Barata, na Av. Roma — Lisboa
Sessão de autógrafos com showcooking e degustação de um mini-brunch [Evento no Facebook]

Domingo, 1 de Dezembro, 12h00: Livraria Apolo 70 Fonte Nova — Lisboa
Sessão de autógrafos  [Evento no Facebook]

Sexta-feira, 6 de Dezembro, 21h30:  Fnac Vasco da Gama — Lisboa
Apresentação de Susana Romana, showcooking e degustação [Evento no Facebook]

Sábado, 7 de Dezembro, 16h30: El Corte Inglés Gaia — Porto
Apresentação de Fernando Alvim, showcooking e degustação [Evento no Facebook]

Sábado, 7 de Dezembro, 19h00: Livraria Arquivo — Leiria
Sessão de autógrafos com showcooking e degustação [Evento no Facebook]

Domingo, 8 de Dezembro, 12h00: Livraria Apolo 70 Riviera — Carcavelos
Sessão de autógrafos [Evento no Facebook]

Sábado, 14 de Dezembro, 17h30: Auditório Dr. Afonso Rodrigues Pereira — Lourinhã
Apresentação de Nuno Sampaio, showcooking e degustação [Evento no Facebook]

Quem queria ter ido ao lançamento (ou quem foi e gostou tanto que quer repetir a dose), eis a oportunidade. Estou à vossa espera para dois dedos de conversa. Até já!

Café Patita - o livro

Chega hoje às lojas e é a razão pela qual deixei o blogue sem actualizações durante tanto tempo: o livro de receitas do Café Patita. Não se trata de uma adaptação do blogue — é um livro pensado de raiz, com receitas que não foram previamente publicadas, acompanhadas de textos e fotografias originais e uma boa dose de ilustração.

Café Patita - o livro

O lançamento é na próxima quinta-feira, dia 14 de Novembro, pelas 18h30, no piso 5 do El Corte Inglés, em Lisboa. A apresentação vai estar ao cargo do meu bom amigo Nuno Markl, que contribuiu com algumas palavras muito generosas para o livro, e que vai ser forçado a cozinhar uma receita do livro em frente a todos — a amizade tem destas coisas. Haverá bolos e bebidas do livro para provar. Estão todos convidados.

Convite para o lançamento do "Café Patita"

Encomendar na fnac.pt.

Pilha de livros de cozinha

Esta história de voltar a escrever sobre comida, e de ter de novo um sítio onde partilhar as minhas receitas, veio acordar violentamente a minha antiga paixão por livros de cozinha, que andava meio sonolenta e completamente sob controlo. A estante voltou a ser desarrumada, com livros a acumularem-se na sala, no atelier e na mesinha de cabeceira. E depois, o inevitável aconteceu.

Os insaciáveis dedos digitaram no teclado a morada fatal: amazon.co.uk . Como num daqueles ataques ao frigorífico que destroem uma dieta em segundos, também esta shopping-spree deitou por terra as minhas promessas de contenção de despesas, e em pouco tempo estava o carrinho cheio com todos os livros que andava a namorar há meses.

O senhor das entregas ficou contente de eu morar apenas num primeiro andar, tal era o peso do caixote, e eu feliz como uma criancinha no Natal, ignorei voluntariamente que isto não era presente nenhum, e ia sair, acompanhado de um doloroso sentimento de culpa, da minha conta bancária. Detalhes.

O dilema agora seria saber por onde começar, mas a resposta veio no formato de uma verdadeira prenda de Natal antecipada. Mais preciosa do que aquela pilha de livros novinhos em folha.

Tratado completo de cozinha de copa de Carlos Bento Maia / Old Portuguese Cookbook

“Tratado Compacto de Cozinha e de Copa”, de Carlos Bento da Maia, era a Biblia das donas de casa. A minha mãe tem o seu exemplar, que pertencia à minha avó Lena, e que eu esperava vir a herdar. Mas a minha prima Ana, que acompanha sempre em primeira fila as minhas experiências culinárias, decidiu oferecer-me esta valiosíssima primeira edição que pertencera ao meu bisavô Zézinho.

Desculpem-me todas as outras pessoas que me vão dar prendas maravilhosas este Natal, mas esta já ganhou o prémio de Melhor Prenda do Ano, ainda a um mês de distância.

Tratado completo de cozinha de copa de Carlos Bento Maia / Old Portuguese Cookbook

Café Patita

Era uma vez um blogue de receitas. Um blogue que não era bem um blogue, era só uma categoria num site maior, ali à mistura com design, ilustração, fotografia, blogue pessoal.

Confesso que roubei a ideia à Fleur. A pequena e exuberante francesa com quem partilhei casa quando vivi em Londres era designer de guarda-roupa e cenários fantásticos, com tecidos e materiais hi-tech que incorporavam LEDs e fibras óptica, e no site onde exibia o seu portfólio tinha uma pequena secção com receitas, profissionalmente fotografadas pela brilhante Beate Sonnenberg.

Achei a ideia maravilhosa e na versão que se seguiu do meu próprio portfólio de design, nasceu o “Recipe Book”. Não tardou muito a ter vida própria, com mais visitas do que o resto do conteúdo. A receita do Arroz Doce tornou-se a mais visitada de todo o site, e estava no top do Google para quem pesquisasse “Arroz Doce”.

Nas temporadas em que o trabalho mais apertava, o hábito de fotografar e escrever receitas para o blogue tinha ficado ocasionalmente suspenso, mas foi por pura distração que o “Recipe Book” chegou ao fim. Ao fazer a manutenção do site, apaguei por engano toda a base de dados, com todos os artigos que tinha escrito ao longo dos anos, quer no lado do portfólio, quer no lado das receitas.

Aproveitei a oportunidade para recomeçar e separar de vez a mistura de blogues num só. Patriciafurtado.net dedica-se agora exclusivamente ao meu trabalho nas áreas de ilustração e design, O inferno são os outros guarda as minhas desventuras pessoais, relatos de viagem e desabafos, e a partir de hoje, declaro aberto o Café Patita, onde vou recuperar alguns posts do “Recipe Book” e adicionar muita coisa nova.

Bem vindos. Façam como se estivessem em casa. Já trago qualquer coisinha para comer.